3/12/20
 
 
Cerca de 500 detidos em manifestações na Bielorrússia

Cerca de 500 detidos em manifestações na Bielorrússia

AFP Jornal i 28/09/2020 18:03

Cerca de 100.000 manifestantes marcharam na capital bielorrussa de Minsk no domingo, exigindo a renúncia de Lukashenko.

As autoridades da Bielorrússia detiveram cerca de 500 pessoas durante protestos no fim de semana contra o Presidente do país, Alexander Lukashenko, que tomou posse do seu sexto mandato após uma eleição amplamente considerada fraudulenta.

O Ministério do Interior da Bielorrússia anunciou hoje que 150 manifestantes foram detidos no sábado e mais de 350 no domingo durante os protestos antigovernamentais que se espalharam por 22 cidades do país.

Cerca de 100.000 manifestantes marcharam na capital bielorrussa de Minsk no domingo, exigindo a renúncia de Lukashenko, que reprimiu duramente a oposição e os meios de comunicação independentes durante os seus 26 anos no poder.

De acordo com o grupo de direitos humanos Viasna, a repressão dos manifestantes neste fim de semana não foi tão violenta quanto antes.

"As repressões param quando mais de 100.000 pessoas vão às ruas", disse o chefe da Viasna, Ales Bialiatski.

"As táticas de intimidação das autoridades deixam de funcionar", declarou Bialiatski.

Ler Mais


Especiais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×