29/11/20
 
 
Novas regras na PSP: Polícias têm seis meses para remover tatuagens racistas e partidárias

Novas regras na PSP: Polícias têm seis meses para remover tatuagens racistas e partidárias

João Porfírio jornal i 25/09/2020 22:47

A nota refere ainda que qualquer candidato ao concurso de admissão da PSP que tenha tatuagens proibidas será excluído do concurso.

Os agentes da PSP que tenham tatuagens com símbolos, palavras ou desenhos de natureza partidária, extremista, racista ou que incentivem à violência têm seis meses para as remover, de acordo com novas normas da PSP.

Um despacho sobre as "normas relativas ao aprumo, apresentação e uso de uniforme”, publicado na passada terça-feira, a que a Lusa teve esta sexta-feira acesso, afirma que são proibidas "em qualquer parte do corpo" este tipo de tatuagens e refere que os profissionais que as tenham devem removê-las no prazo máximo de 180 dias.

A nota refere ainda que qualquer candidato ao concurso de admissão da PSP que tenha tatuagens proibidas será excluído do concurso, "exceto aqueles que manifestem intenção de as remover até ao final do concurso".

 

.

Ler Mais


Especiais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×