25/10/20
 
 
Mais de 440 detidos nos protestos da Bielorrússia contra Lukashenko

Mais de 440 detidos nos protestos da Bielorrússia contra Lukashenko

Twitter Jornal i 21/09/2020 17:57

 Só na capital, Minsk, foram detidas 226 pessoas, segundo o Ministério, que contabilizou um total de 20.000 manifestantes em 24 protestos não autorizados em todo o país.


Mais de 440 pessoas foram detidas no domingo em várias cidades da Bielorrússia por participarem em protestos contra o Presidente do país, Alexander Lukashenko, informou esta segunda-feira o Ministério do Interior bielorrusso.

Em todo o país, foram detidos 442 manifestantes que participavam na "marcha da justiça", que, só na capital, Minsk, juntou cerca de 50.000 pessoas, segundo a imprensa local, número inferior ao registado em domingos anteriores.

Em Minsk foram detidas 226 pessoas, segundo o Ministério, que contabilizou um total de 20.000 manifestantes em 24 protestos não autorizados em todo o país.

As manifestações ao domingo sucedem-se desde as presidenciais de 9 de agosto, que deram a vitória a Alexander Lukashenko, no poder há 26 anos, o que é contestado pela oposição e não é reconhecido pela União Europeia.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×