26/10/20
 
 
Chega. Convenção chumba pela segunda vez direção de Ventura e líder demite-se se falhar nova eleição

Chega. Convenção chumba pela segunda vez direção de Ventura e líder demite-se se falhar nova eleição

Cristina Rita 20/09/2020 19:24

Trabalhos voltaram a estar suspensos e o presidente do Chega prometeu submeter nova lista a votos. Foi interrompido no discurso, após o anúncio dos resultados, com palavras de incentivo. Agora, se a sua equipa não for aprovada à terceira volta, demite-se: "Se não for aprovada demito-me imediatamente. O congresso tem de respeitar a vontade das bases".

A lista para a direção nacional do Chega voltou a não conseguir a maioria de dois terços previstos nos estatutos. Votaram a favor 219 delegados e 121 contra este domingo. Não foi suficiente. Resultado? Após o anúncio da votação, André Ventura, presidente do Chega voltou ao púlpito da II Convenção do Chega ( que decorre em Évora) para falar aos delegados.

O presidente do Chega assumiu que a"responsabilidade era sua" e que tinha de respeitar a decisão democrática. Muitos delegados gritavam pelo seu nome, enquanto Ventura tentava concluir o raciocínio e pedia calma. 

"Recuso-me, recuso-me a fazer deste partido um outro partido do sistema", assegurou. E pediu a suspensão dos trabalhos para uma terceira votação.Haverá uma terceira versão da lista para a direção do partido. Agora, se a lista de nomes da direção não for aprovada numa terceira volta, demite-se: "Se não for aprovada, demito-me imediatamente. O congresso tem de respeitar a vontade das bases", declarou ao i o presidente do Chega.

A segunda lista era quase igual à primeira versão e apenas apresentava mais um nome: o de Rui Paulo Sousa.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×