25/10/20
 
 
Passadiços. Um guia para os passeios na natureza

Passadiços. Um guia para os passeios na natureza

Rita Pereira Carvalho 10/09/2020 09:32

Uns arderam e foram recuperados, como é o caso dos passadiços do Alamal, e outros tiveram tanto sucesso que estão agora a ser alargados – é o caso dos passadiços do Penedo Furado. Já os passadiços da Ria de Aveiro fazem as delícias de quem gosta de ver pássaros. Em Arouca, os passadiços do Paiva vão ter uma nova atração: aquela que promete ser a maior ponte pedonal suspensa do mundo. Os passadiços de Sistelo não são uma atração mundial, mas conseguem fazer o equilíbrio com os percursos pedestres já existentes. Há passadiços para todos os gostos, com dois ou oito quilómetros, circulares ou retos.

Passadiços do Paiva, Arouca

Milhares de pessoas chegam a Arouca para percorrer um caminho de 8,7 quilómetros – que se pode transformar no dobro se for ida e volta. Por questões de segurança, a entrada é limitada a 3500 pessoas por dia e, devido às medidas de contenção do novo coronavírus, o bilhete, que custa dois euros, deve ser comprado online. A próxima atração deste percurso será a ponte pedonal suspensa que promete ser a maior do mundo. A praia fluvial do Vau é um dos pontos mais conhecidos para descansar, dar um mergulho no rio Paiva, ou fazer uma refeição.

Leia o artigo completo na edição impressa do jornal i. Agora também pode receber o jornal em casa ou subscrever a nossa assinatura digital.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×