26/1/21
 
 
Curso de Medicina da Católica não recebeu parecer positivo da Ordem dos Médicos

Curso de Medicina da Católica não recebeu parecer positivo da Ordem dos Médicos

Dreamstime Jornal i 02/09/2020 14:36

OM tinha dado um parecer negativo ao projeto em dezembro passado, porém, terão sido feitas alterações ao projeto inicial.

A Ordem dos Médicos (OM) esclareceu, esta quarta-feira, que não deu nenhum parecer positivo ao curso de medicina da Universidade Católica Portuguesa (UCP), que foi acreditado “condicionalmente por um ano”, segundo disse o presidente da Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES) ao Jornal de Notícias.

A OM tem-se manifestado contra a abertura de um curso de medicina no ensino privado, argumentando que as suas maiores preocupações estão relacionadas com a degradação da qualidade do ensino e com um possível excesso da oferta formativa pré-graduada que depois não encontra correspondência no acesso na especialidade médica.

O presidente da A3ES, Alberto Amaral, explicou que, quanto ao novo curso, “há melhorias a fazer, mas é mais que possível fazê-las num ano”.

Recorde-se que a proposta da UCP para um novo curso foi chumbada em dezembro com um pareceres negativos da Ordem dos Médicos e da comissão de avaliação nomeada pela agência. O projeto recebeu, entretanto luz verde e, segundo Alberto Amaral, uma das melhorias é "o aumento das unidades de saúde onde os alunos podem estagiar".

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×