20/10/20
 
 
Cinco reclusos que trabalham no hospital prisional de Caxias testam positivo para a covid-19

Cinco reclusos que trabalham no hospital prisional de Caxias testam positivo para a covid-19

Jornal o 18/08/2020 20:37

Os reclusos trabalham na cozinha do hospital prisional.

Cinco reclusos da prisão de Caxias testaram positivo para a covid-19, tendo sido internados. Segundo a direção-geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP), foram realizados dez testes de despistagem aos reclusos que trabalham na cozinha do hospital prisional de Caxias, tendo os resultados sido conhecidos na segunda-feira.

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda prisional terá denunciado os cinco casos a partir de uma carta enviada à diretora geral, na qual eram feitas críticas às regras de deslocação de reclusos.

“Os cinco reclusos que acusaram positivo ficaram, conforme o protocolado, de imediato internados no Hospital Prisional e os cinco que acusaram negativo foram colocados em quarentena para nova testagem”, explicou fonte da DGRSP à Lusa, acrescentando que “foram também identificados os contactos de proximidade suscetíveis de risco de contágio”.

De acordo com a mesma fonte, estes contactos encontram-se “preventivamente” de quarentena que estão “preventivamente de quarentena e que serão testados”.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×