17/6/21
 
 
Não existe "necessidade" de retirar utentes do lar, afirma vice-presidente da Câmara Municipal de Odivelas

Não existe "necessidade" de retirar utentes do lar, afirma vice-presidente da Câmara Municipal de Odivelas

jornal i 18/08/2020 19:12

Foram confirmados 71 casos de covid-19 na Casa de Saúde e Repouso da Amoreira, na Ramada.

O vice-presidente da Câmara Municipal de Odivelas, Edgar Valles, reagiu, esta terça-feira, ao surto de covid-19 na Casa de Saúde e Repouso da Amoreira, na Ramada e disse que não existe a "necessidade" de retirar os utentes do lar, depois de visitar o espaço. Segundo o autarca a instituição está apta para lidar com a situação e "consegue fazer a separação efetiva" dos doentes infetados e não infetados com covid-19.

Foram detetados 71 casos de covid-19 no lar e todos os doentes estão assintomáticos. Edgar Valles garante que apesar da instituição ser da rede corporativa, a autarquia e demais entidades "têm estado disponíveis para apoiar naquilo que é solicitado". "Além do pedido de apoio dos equipamentos, foi pedido um apoio para suprimir a necessidade de profissionais, devido aos que estão em casa infetados. A Segurança Social avaliou esta situação e vai conseguir suprimir esta falha. Os novos profissionais que entram estão a ser testados e estão à espera dos resultados", afirmou. 

Edgar Valles garante ainda que todos os funcionários e utentes foram testados e estão a ser acompanhados.  "37 dos 60 utentes e 34 dos 54 funcionários estão infetados", revelou o autarca.

A Casa de Saúde e Repouso da Amoreira percebeu que estava a ocorrer um surto nas instalações depois de um utente ter ido ao hospital por motivos não relacionados com a covid-19 e ter sido testado no hospital, onde deu positivo, o que levou todos os utentes e funcionários a fazerem testes de despiste à doença.  Os funcionários do lar estão a cumprir quarentena no seu domicílio.

 

Ler Mais


Especiais em Destaque

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×