23/10/20
 
 
Covid-19. Poderão ser os mais ricos a salvar esta crise?

Covid-19. Poderão ser os mais ricos a salvar esta crise?

Daniela Soares Ferreira 21/07/2020 09:10

Mais de oito dezenas de milionários sugerem que os seus impostos aumentem para ajudar a minimizar a crise económica no âmbito da covid-19. Analistas contactados pelo i defendem que solução não passa por aqui.

A pandemia de covid-19 trouxe às costas uma crise económica nunca antes vista a nível mundial e o mundo vive um momento em que todas as ajudas são necessárias. A mais recente ideia para minimizar impactos – ou, pelo menos, a mais polémica – surgiu de um grupo de milionários e está escrita em carta. A ideia desse grupo de 83 ricos de sete países (EUA, Canadá, Reino Unido, Nova Zelândia, Alemanha, Dinamarca e Holanda) consiste em subir os impostos sobre os mais ricos para ajudar na recuperação.

“À medida que a covid-19 atinge todo o mundo, milionários e bilionários como nós têm um papel importante a desempenhar no mundo”. A carta começa assim, para explicar a razão subjacente à ideia. E se têm muito dinheiro, porque não gastá-lo com quem precisa? “Mas temos dinheiro, muito. Dinheiro que é extremamente necessário agora e que vai continuar a ser necessário nos próximos anos, à medida que o mundo recupera desta crise. Hoje, nós, milionários que assinamos esta carta, pedimos aos nossos Governos que subam os impostos sobre pessoas como nós. Imediatamente. Substancialmente. Permanentemente”, diz o documento.

Este grupo defende que esta crise pode durar dezenas de anos, que afetará milhões de pessoas e que claramente aumentará em larga escala os números do desemprego. Os milionários acrescentam que “os problemas causados e revelados pela covid-19 não podem ser resolvidos com caridade, independentemente do quão generosa for. Os líderes dos Governos têm de assumir a responsabilidade de captar os fundos necessários e gastá-los de uma forma justa. Podemos assegurar que financiamos de forma adequada os nossos sistemas de saúde, educação e segurança através de um aumento dos impostos permanente sobre as pessoas mais ricas do planeta, pessoas como nós”. Para isso, “é necessário reequilibrar o mundo antes que seja demasiado tarde”.

 

Leia o artigo completo na edição impressa do jornal i. Agora também pode receber o jornal em casa ou subscrever a nossa assinatura digital.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×