3/7/20
 
 
Enfermeiros. Sindicato elogia trabalho desenvolvido por António Sales durante a pandemia e critica ministra

Enfermeiros. Sindicato elogia trabalho desenvolvido por António Sales durante a pandemia e critica ministra

Mafalda Gomes Jornal i 14/05/2020 12:24

"Há um secretário de Estado, António Sales, que está mais ou menos sensibilizado para essas coisas. Não é o caso da ministra".

O Sindicato dos Enfermeiros elogiou o trabalho desenvolvido por António Sales, secretário de Estado da Saúde, durante a pandemia, e criticou a ministra da tutela, Marta Temido. Em declarações à TSF, o presidente do SE, José Azevedo, considerou que é graças ao governante que os enfermeiros estão a trabalhar com mais equipamento de segurança e a fazer mais testes de diagnóstico à covid-19. A reação surge depois de o Sindicato emitir um comunicado a expressar preocupação com o facto de Portugal ter mais de três mil profissionais de saúde infetados e mais de 800 serem enfermeiros.

"Há um secretário de Estado, António Sales, que está mais ou menos sensibilizado para essas coisas. Não é o caso da ministra nem do que anda à volta, mas este secretário de Estado está a olhar um pouco para estas coisas e está a fazer alguma justiça aos enfermeiros", disse José Azevedo à rádio.

O sindicalista quer ter a garantia de que os enfermeiros terão uma reserva de equipamentos de proteção individual para os próximos dois anos e pede que sejam feitos mais testes de diagnóstico à covid-19.

"Queremos exatamente que não andem a comprar coisas a empresas que não existem, mas que nos comprem materiais desses, seguros, para que os enfermeiros possam trabalhar com o mínimo de segurança. Queremos também mais testes, como é óbvio”, acrescentou.

Segundo a TSF, José Azevedo diz que graças ao trabalho que tem sido feito por António Sales, os enfermeiros já não são tão discriminados. Contudo, garante que nem sempre foi assim em matéria de testes.

"Quando isto começou a ser mais complicado, se houvesse um médico e um enfermeiro para fazerem os testes porque estiveram em contacto com o mesmo doente, acontece que era feito [o teste] ao médico e não ao enfermeiro", disse, realçando que na Saúde não devem existir "filhos e enteados".

 

 

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×