16/1/21
 
 
II Guerra Mundial. O cadáver de Mussolini foi desfeito em pedaços pela multidão!

II Guerra Mundial. O cadáver de Mussolini foi desfeito em pedaços pela multidão!

Afonso de Melo 29/04/2020 08:51

A Rádio Berlim bem podia gritar aos quatro ventos “Berlim não cairá!” A capital do Reich estava em destroços, a Itália libertada, e o seu Duce, depois de fuzilado, foi entregue à turbamulta com vários outros dirigentes fascistas e a sua amante, Claretta Petacci.

Berlim resiste ainda e sempre ao invasor, mas o seu destino está traçado. A violência do ataque aliado atingiu o seu auge: milhares de canhões de todos os calibres continuam a martelar incessantemente com os seus projéteis o interior da capital do Reich; numerosos bombardeiros e contrabombardeiros fustigam a cidade sem descanso, enquanto os últimos fiéis ao Führer se escondem por detrás de sacos de areia e até, dentro das casas, por detrás de amontoados de peças de mobiliário.

No dia 26 de abril, uma fortíssima ofensiva levada a cabo pelos comandados dos generais Zhukov e Koniev galgou os parapeitos das fortificações inimigas. Foram travadas duras refregas corpo a corpo.

Leia o artigo na íntegra na edição impressa do jornal i. Agora também pode receber o i em sua casa ou subscrever a nossa assinatura digital.

Ler Mais


Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×