5/6/20
 
 
Morreu a subdiretora-geral da Saúde Catarina Sena, vítima de doença prolongada

Morreu a subdiretora-geral da Saúde Catarina Sena, vítima de doença prolongada

Marta F. Reis 06/04/2020 16:01

Catarina Sena tinha 47 anos e era subdiretora-geral da Saúde desde 2008.

A subdiretora-geral da Saúde Catarina Sena morreu esta segunda-feira aos 47 anos, vítima de doença prolongada. Administradora hospitalar e especialista em planeamento em gestão, era subdiretora-geral da Saúde desde 2008, tendo trabalhado com Francisco George e nos últimos anos como braço direito de Graça Freitas.
Alexandre Lourenço, presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares, recorda-a como a mais respeitada administradora hospitalar da sua geração. “Todos nós crescemos a ler e a seguir a Catarina. Era exemplar. Como tantos de nós, devo muito à Catarina da minha vida profissional. Nunca lhe o disse, nem vou poder dizer”, publicou o administrador hospitalar em jeito de homenagem, recordando o percurso da colega.
Catarina de Senna Fernandes Cabral Sena nasceu a 5 de outubro de 1972. Licenciou-se em Gestão e Administração Pública, na especialidade de Planeamento e Controlo de Gestão, pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, da Universidade Técnica de Lisboa, em 1995. Pós-Graduada em Administração Hospitalar, pela Escola Nacional de Saúde Pública, da Universidade Nova de Lisboa, entre 1996 e 1998, foi também assistente convidada desta Escola, no grupo de disciplinas de gestão de organizações de saúde, entre 2002 e 2004.
Como administradora hospitalar, exerceu funções no Hospital Doutor Fernando da Fonseca, Hospital de Curry Cabral e Sub-Grupo Hospitalar Capuchos/Desterro. Foi assessora do Ministro da Saúde entre 2001 e 2002 e de 2005 a 2008. Era subdiretora-geral da Saúde desde 2008, tendo desenvolvido vários projetos na área da gestão e saúde pública, nomeadamente na supervisão da coordenação do SIADAP 1 do Ministério da Saúde, da Unidade de Apoio Centro de Atendimento do Serviço Nacional de Saúde, tendo sido a Gestora do Contrato de prestação de serviços relativo à Parceria Público-Privada, no desenvolvimento do Plano Nacional de Saúde, na criação do sistema de incentivos à procriação medicamente assistida e na implementação e desenvolvimento do projeto do cheque-dentista.
Há um ano Catarina Sena foi agraciada com a Medalha de Serviços Distintos do Ministério da Saúde - grau ouro. “Desapareces numa época que todos nós e o país mais precisavam de ti”, escreveu Alexandre Lourenço.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×