25/5/20
 
 
Metro de Lisboa passa a medir temperatura à entrada das instalações da empresa

Metro de Lisboa passa a medir temperatura à entrada das instalações da empresa

Jornal i 06/04/2020 14:51

Os controlos são efetuados nos vários edifícios administrativos, como os parques de material e oficinas, postos de tração, centrais de movimento e nas zonas de acesso privado existentes nas estações de metro. Espaços públicos das estações de metro ficam de fora. Temperatura acima de 37,5ºC impede entrada.

O Metropolitano de Lisboa passa esta segunda-feira a medir a temperatura à entrada das suas instalações administrativas a todos os seus fornecedores, empreiteiros ou visitantes. Os trabalhadores da empresa também poderão aderir a esta medição voluntariamente. 

Os controlos são efetuados nos vários edifícios administrativos, como os parques de material e oficinas, postos de tração, centrais de movimento e nas zonas de acesso privado existentes nas estações de metro.

Em comunicado, o Metro de Lisboa esclarece que “esta medida vai ser adotada na sequência de outras medidas faseadamente implementadas de combate à covid-19, definidas no plano de contingência do Metropolitano de Lisboa, para proteção dos seus colaboradores e clientes, encontrando-se as mesmas alinhadas com as melhores práticas nacionais e internacionais, no sentido de reforçar a saúde pública e de evitar a propagação” da doença.

A medição vai ser efetuada “de forma segura pelos vigilantes das referidas instalações, através de termómetros digitais de infravermelhos, sem contacto”, lê-se na nota. Em caso de temperatura superior a 37,5ºC a empresa cumprirá, de imediato, as recomendações da Direção-Geral de Saúde.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×