5/6/20
 
 
A arte pelo ecrã. Dez espaços para conhecer virtualmente

A arte pelo ecrã. Dez espaços para conhecer virtualmente

Jornal i 03/04/2020 22:44

Sabemos que, nos próximos tempos, ficar em casa será mesmo o novo normal. Sabemos também que a urgência de sair vai crescer dentro de nós, e há que combatê-la com os nossos maiores trunfos. E a arte será sempre uma aliada das grandes lutas. Porque não aproveitar estes dias para visitar museus e monumentos que há muito temos na nossa lista? Selecionámos dez espaços dentro e fora de Portugal que podem ser visitados online. Uma visita que, quem sabe, possa saltar dos ecrãs para a vida lá fora a breve trecho.

Museu Nacional de História Natural e da Ciência 

Estamos na antiga Escola Politécnica, no Príncipe Real, em Lisboa. Logo depois do átrio fica o Laboratório Chimico, que foi provavelmente o último grande laboratório do séc. XIX da Europa. É esta a primeira paragem da visita interativa do Museu Nacional de História Natural e da Ciência, que nos leva pelos espaços mais significativos da instituição sempre com o agradável ruído de fundo de um jardim, a evocar certamente o Jardim Botânico, ali ao lado, e que foi construído como complemento do ensino e investigação da Escola Politécnica. 

Museu Nacional dos Coches

Quem porventura apenas conhece a exposição no contexto do Picadeiro Real de Belém tem aqui uma boa oportunidade para perceber como se enquadram, afinal, os coches no edifício projetado por Paulo Mendes da Rocha e Ricardo Bak Gordon. A recém-inaugurada visita virtual ao museu leva-nos tão mas tão perto dos coches que quase podemos entrar dentro deles. Uma maneira curiosa de nos determos em pormenores.

Museu Berardo

O Museu Berardo levou as visitas virtuais um passo mais longe ao inaugurar uma exposição em streaming. Julian Opie, Obras Inéditas pode ser vista na página do museu desde o dia 18 de março. A visita foi feita pelo próprio artista, que esteve em Portugal um dia antes da inauguração virtual e guiou assim o público pelo seu trabalho. A mostra de Opie, conhecido pelos seus retratos contemporâneos, paisagens e figuras pintadas em cores fortes com contornos negros, ficará patente até ao final de agosto.

Palácio Nacional de Sintra

O “grandioso e magnífico palácio dos Reis de Portugal”, assim o definia o historiador Damião de Góis na segunda metade do séc. XVI, é uma das preciosidades de Sintra que podem ser visitadas online. O Paço, cuja história começa durante o domínio muçulmano na Península Ibérica, está virtualmente disponível através da parceria firmada entre a Parques de Sintra e a Google Arts & Culture. O Palácio da Pena também está incluído no “acordo”.

Museu Nacional de Arte Antiga

Também através da plataforma Google Arts&Culture é possível conhecer as coleções do Museu Nacional de Arte Antiga e assistir às visitas guiadas pelo espaço interior e exterior do museu situado na Rua das Janelas Verdes. Os pontos altos do museu que habita há quase 130 anos o Palácio Alvor – os Painéis de São Vicente de Fora e os Biombos Namban – têm, como seria de esperar, um especial destaque.

Metropolitan Museum of Art

O museu de arte fundado em 1870 e localizado na cidade de Nova Iorque, Estados Unidos, é um dos mais visitados do planeta. Agora pode visitar as suas exposições sem sair do conforto do lar. Na versão digital do museu podemos encontrar mostras que vão desde o “o novo olhar sobre Vermeer” a outras focadas na moda, como as da estilista japonesa Rei Kawakubo ou da francesa Coco Chanel. Ou não fosse esta a casa da Met Gala.

Serviço Arqueológico da Índia

O departamento do Governo da Índia, situado em Nova Deli, é o responsável pela investigação arqueológica do país. Para além das mais de 500 imagens que incluem artefactos antigos, templos e vistas da cidade, pode ainda ler online as diversas histórias publicadas que explicam ao pormenor a construção de alguns monumentos. Há, por exemplo, um artigo dedicado à origem do Taj Mahal e às minuciosidades da sua construção.

The Center

O Centro Comunitário Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgénero, fundado em 1983, é uma organização sem fins lucrativos que atende à população LGBTQ+ da cidade de Nova Iorque e das comunidades próximas. Neste espaço podem visitar-se diversas galerias de fotografias do movimento de libertação homossexual ao longo dos anos, pinturas feitas por membros do centro, assim como histórias partilhadas pelos mesmos.

Museu da Arte Islâmica

Este museu, que se situa numa ilha artificial em Doha, no Catar, alberga obras-primas da arte islâmica encontradas em três continentes e datadas do séc. VII ao XIX, incluindo peças de metalurgia, cerâmica, joalharia, têxteis e vidro. É ainda possível fazer uma visita guiada com tecnologia e vídeo de 360º naquele que é considerado uma “joia da arquitetura”.

Lenbachhaus

A galeria municipal Lenbachhaus é um museu de arte em Munique, onde foi fundado em 1911, e situa-se num edifício declarado monumento histórico-artístico. No museu virtual podem observar-se algumas das diversas pinturas expostas neste espaço, nomeadamente de obras de arte moderna até aos expressionistas do grupo de artistas fundado nesta cidade, Der Blaue Reiter – o Cavaleiro Azul.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×