29/10/20
 
 
Luz, água e gás escapam a cortes por falta de pagamento

Luz, água e gás escapam a cortes por falta de pagamento

Dreamstime Jornal i 18/03/2020 10:19

Empresas também permitem maior flexibilidade nos pagamentos.

A EDP Comercial revelou que, face à pandemia de covid-19, vai deixar de realizar cortes de luz. Ao mesmo tempo, vai permitir maior flexibilidade para que os clientes paguem as faturas da eletricidade. A “EDP Comercial decidiu suspender todos os cortes de energia agendados para esta semana, sendo esta uma medida que deverá ser mantida no decurso das próximas semanas”, refere a empresa em comunicado.

O mesmo exemplo foi seguido pela Endesa, que também anunciou a suspensão de todos os cortes de luz e gás programados devido a falta de pagamento, dadas as dificuldades que os clientes possam ter no cumprimento das obrigações, devido aos efeitos da covid-19.

Também a EPAL disse ontem que, no seguimento da situação de estado de alerta que o país atravessa devido à pandemia de covid-19, a empresa “decidiu suspender, temporariamente, os cortes de água”.

Já ontem, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) fixou “condições excecionais” de prestação dos serviços de fornecimento de energia, de modo a evitar interrupções de fornecimento de eletricidade, gás natural e gases de petróleo liquefeito (GPL) canalizados. Em causa está a “emergência de saúde pública” internacional causada pela pandemia do novo coronavírus.

A lei estabelece que, por se tratar de serviços públicos essenciais, a interrupção do fornecimento da eletricidade ou do gás, por falta de pagamento, só pode ocorrer após pré-aviso, por escrito, com uma antecedência mínima de 20 dias em relação à data em que o corte irá ocorrer. Agora, esse prazo será acrescido de 30 dias.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×