29/3/20
 
 
Epidemia da gripe com baixa intensidade em Portugal na sexta semana do ano

Epidemia da gripe com baixa intensidade em Portugal na sexta semana do ano

Dreamstime Jornal i 13/02/2020 23:04

Apesar de, em Portugal, a epidemia se manter com baixa intensidade, no resto da Europa, o cenário é totalmente diferente.

Em Portugal, a epidemia da gripe manteve-se com baixa intensidade na sexta semana do ano, de acordo com o boletim da gripe divulgado esta quinta-feira.

A taxa de incidência da gripe nessa semana, de 3 a 9 de fevereiro, foi de 28,89 por cada 100 mil habitantes, número que se mantém atualmente. Apesar disso, o valor médio da temperatura mínima do ar registado em Portugal foi mais frio, de 7,49 graus, inferior aos valores habituais do mês de janeiro. Este valor registado foi 1,92 graus inferior àquilo que é normal no primeiro mês de cada ano. Apesar de, em Portugal, a epidemia se manter com baixa intensidade, no resto da Europa, o cenário é totalmente diferente, apresentando uma tendência crescente no contexto da União Europeia.

O pico da gripe em Portugal, recorde-se, ocorreu na primeira semana de 2020, de acordo com o Centro de Estudos e Avaliação em Saúde (Cefar). “A epidemia iniciou-se com maior intensidade em Lisboa e Algarve, e também na região Norte”, descreveu, na altura, o investigador do Cefar Peter Heudtlass. Na maioria do território, o surto foi de grau 3 - moderado -, semelhante ao registado em 2019. A partir da primeira semana do ano, a atividade gripal decresceu em todos os distritos de Portugal continental, bem como na Madeira, e foi perdendo intensidade à medida que fevereiro se aproximava. 

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×