10/4/20
 
 
Cinco bebés envenenados com morfina em hospital na Alemanha. Enfermeira foi detida

Cinco bebés envenenados com morfina em hospital na Alemanha. Enfermeira foi detida

Jornal i 30/01/2020 15:39

Hospital chamou a polícia depois das análises revelarem a presença do analgésico.

Uma enfermeira do hospital universitário de Ulm, perto de Estugarda, na Alemanha, é suspeita de ter envenenado cinco bebés prematuros, tendo-lhes dado morfina, um poderoso analgésico que lhes provocou dificuldades respiratórias.

O caso remonta a 20 de dezembro quando os bebés, que tinham entre um dia e cinco semanas de vida, manifestaram dificuldades respiratórias, tendo três deles necessitado de ser ventilados. A suspeita inicial foi a de que os recém-nascidos estariam a ser vítimas de uma infeção, mas as análises acabariam por revelar morfina na urina.

Deu-se início a uma investigação do caso e conseguiu limitar-se o período horário no qual teria ocorrido a administração de morfina, tendo sido realizadas buscas aos cacifos dos profissionais de saúde que estavam de turno - quatro enfermeiras e dois médicos - quando se registaram os cinco incidentes. Nos pertences de uma enfermeira foi encontrada uma seringa com leite materno, cujos testes revelaram a presença do analgésico em causa. A mulher foi detida no mesmo dia, explicaram em conferência de imprensa as autoridades judiciárias e policiais, citadas pela imprensa alemã.

A identidade da enfermeira, que seria “nova” no serviço, não foi revelada, mas sabe-se que nega as acusações.

Apesar da detenção da enfermeira, o caso não foi dado como encerrado, continuando sob investigação. No entanto, a mulher pode vir a ser formalmente acusada de cinco tentativas de homicídio e de ofensas físicas graves.

Os bebés em causa estão atualmente bem, e ao que tudo indica não sofreram danos permanentes de saúde.

Sublinhe-se que a morfina não é habitualmente administrada a bebés, à exceção do tratamento de sintomas de abstinência que filhos de mães toxicodependentes experienciam, como era o caso de três dos cinco recém-nascidos.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×