11/12/19
 
 
Espanha. Caldeirão fervilha com Atlético-Barcelona

Espanha. Caldeirão fervilha com Atlético-Barcelona

AFP Laura Ramires 29/11/2019 22:07

Blaugranas lideram a liga espanhola, com três pontos de vantagem sobre os colchoneros, que seguem no quarto lugar. Jogo pode levar a várias alterações no pódio vizinho.

Domingo. Metropolitano. 20 horas. Jogo grande na Liga espanhola e o principal do cartaz entre os vários campeonatos da Europa. Atlético Madrid-Barcelona. Três pontos separam as duas equipas com a vantagem a pertencer a Messi e companhia, que, com 28 pontos, lideram a prova e podem olhar com superioridade para os colchoneros, quartos na tabela. Pelo menos, por enquanto. Afinal, muito pode acontecer e tudo pode mesmo vir a mudar no top-3 da competição vizinha. Porém, ainda antes de se colocar no Caldeirão as restantes partes interessadas nesta partida; é tempo de constatar alguns factos.

Apesar da curta vantagem do Barça à entrada da 15.ª jornada, os blaugranas têm um jogo a menos que o emblema de Madrid. Mais do que isso: a equipa catalã vai chegar à capital espanhola teoricamente mais descontraída após ter garantido a passagem aos oitavos de final da Liga dos Campeões na quarta-feira, graças à boa atuação no triunfo (3-1) sobre o Borussia Dortmund. Em outro estado pode ser encontrado o Atlético, que perdeu (1-0) para a Juventus de Cristiano Ronaldo na Champions, um resultado que obrigará a equipa de João Félix a lutar pela classificação para os oitavos na última ronda da fase de grupos.

Foi, de resto, no último jogo a contar para o campeonato espanhol, em que o conjunto de Diego Simeone voltou a marcar passo, ao empatar a uma bola com o Granada, que o internacional português voltou à competição, após uma lesão o ter afastado durante seis jogos.

Apesar de as equipas atravessarem momentos diferentes, o encontro, como já se disse, pode vir a mexer (e muito!) no pódio espanhol.

Como tal, Real Madrid e Sevilha, segundo e terceiro classificados, são os principais interessados no que irá acontecer. Os merengues, que têm os mesmos 28 pontos que o líder (e também um jogo a menos), visitam o Alavés (13º) no sábado em busca de uma vitória que os permita assumir a liderança em caso de tropeção do Barcelona. Já o Sevilha recebe o último classificado Leganés e tem tudo para seguir colado aos líderes ou até assumir o primeiro lugar – caso Barça e Real deslizem.

Os blancos, de Zidane, seguem, de resto, em bom plano também na Europa, após a boa exibição contra o PSG na terça-feira, para a prova milionária, que terminou com um empate a duas bolas – e com o apuramento das duas equipas para a fase seguinte da competição.

Também protagonista este fim de semana será, aliás, o conjunto francês.

À mesma hora mas na Ligue1 Domingo. Stade Louis II. 20 horas. O Mónaco, de Leonardo Jardim, recebe o líder PSG, na jornada 15 da Liga francesa. O emblema parisiense lidera com mais 15 pontos que os monegascos dos portugueses Adrien Silva, Gelson Martins e Gil Dias, atuais 14.º classificados. Jogo difícil sendo que uma derrota pode deixar o quarteto luso de novo à porta dos lugares de descida.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×