16/12/19
 
 
Familiares de mulher que abandonou bebé no lixo lutam pela guarda da criança

Familiares de mulher que abandonou bebé no lixo lutam pela guarda da criança

jornal i 22/11/2019 21:57

Segundo Eurico Correia, “a família da Sara reiterou que nunca teve quaisquer indícios que pudessem levar a entender que a Sara vivia em condições tão precárias”.

O embaixador de Cabo Verde em Portugal declarou que a mãe e os irmãos da mulher suspeita de abandonar o bebé no lixo, que se encontra em prisão preventiva na cadeia de Tires, estão a tentar obter a guarda do bebé. Segundo Eurico Correia, “a família da Sara reiterou que nunca teve quaisquer indícios que pudessem levar a entender que a Sara vivia em condições tão precárias”, citando a Lusa.

O diplomata acrescenta ainda que os familiares contrataram um escritório de advogados para obter a guarda do menino “pois têm a profunda convicção de que essa solução é a que corresponde melhor ao interesse da criança”. 

Um dos objetivos dos familiares de Sara é que "no futuro, se o filho da Sara vier a tomar conhecimento dos factos, ao menos saberá que a família natural, biológica, o acolheu com todo o amor e carinho, e sentir-se-á menos rejeitado, mais confortado”, sublinha o diplomata. 

Tanto a mãe como os irmãos da mãe da criança afirmam confiar nas instituições portugueses, no entanto "manifestaram alguma preocupação pela circunstância de até ao presente momento não terem sido chamados, de forma direta ou indireta, para participar num processo que tem como finalidade dar um destino ao seu neto e sobrinho”.

O recém-nascido recebeu alta hospitalar esta quinta-feira e já está com uma família de acolhimento, informou esta sexta-feira a Santa da Misericórdia de Lisboa.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×