15/12/19
 
 
Desmantelada organização internacional que cultivava canábis em Portugal

Desmantelada organização internacional que cultivava canábis em Portugal

Jornal i 18/11/2019 11:45

Três pessoas, de nacionalidade estrangeira, foram detidas e ficaram em prisão preventiva.

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, esta segunda-feira, ter desmantelado uma organização que produzia, em larga escala, liamba para exportação para diversos países da Europa Central.

Na operação foram detidas três pessoas, de nacionalidade estrangeira, e descobertos milhares de pés de plantas de canábis.

Foram apreendidos "cerca de 5.300 pés de plantas de canábis sativa, em diferentes estados de crescimento, divididos em nove estufas autonomizadas, respetivos sistemas de aquecimento, extração de ar e ventilação, num processo altamente sofisticado de produção e acondicionamento em vácuo, para posterior exportação de liamba", lê-se no comunicado da PJ.

A investigação teve início após a deteção de uma encomenda expedida para a Alemanha, e posterior detenção de uma pessoa, de nacionalidade estrangeira, e a identificação de dois locais de produção.

"Num desses locais, um armazém industrial a sul do Porto, entretanto abandonado pela organização, foi apreendido estupefaciente e relevantes meios de prova e posteriores diligências permitiram a localização e vigilância de um segundo armazém industrial, também nas proximidades do Porto", adiantou a Judiciária. Mais tarde, na sexta-feira passada, foram detidas mais duas pessoas, um homem e uma mulher.

Os três detidos ficaram sujeitos à medida de coação de prisão preventiva.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×