21/11/19
 
 
PJ investiga violação a mulher acamada em Vila Nova de Famalicão

PJ investiga violação a mulher acamada em Vila Nova de Famalicão

Joaquim Gomes Joaquim Gomes 17/10/2019 23:10

Mulher, com cerca de 45 anos, sofre de patologia que a impede de falar. Assistentes sociais deram conta de um comportamento diferente da vítima durante serviços de higiene.

A Polícia Judiciária (PJ) está a investigar suspeitas de violação a uma mulher acamada, durante a tarde desta quinta-feira, na freguesia de Portela, em Vila Nova de Famalicão, já no limite norte deste concelho com o de Braga.

Tudo indica que a mulher, com cerca de 45 anos, terá sido violada, segundo o alerta dado cerca das 15h30, para a Rua de Magãe, tendo sido mobilizados os Bombeiros Voluntários Famalicenses.

O alarme partiu de assistentes sociais que efetuavam os habituais serviços de higiene na mulher, acamada, notando que se passava algo fora do vulgar, segundo avança O Minho.

A mulher, que agia de forma diferente e estava bastante assustada, foi transportada para o Serviço de Urgência do Hospital Central de Braga para exames médicos e confirmação da suposta violação.

Para além de militares do Posto Territorial da GNR de Vila Nova de Famalicão, logo a seguir o caso passou para inspetores da Diretoria do Norte da Polícia Judiciária, sediada no Porto, com duas brigadas, uma na residência e outra na unidade hospitalar bracarense.

A mulher está acamada há já algum tempo, sofrendo de uma patologia limitadora que a impede de falar, conforme adiante o jornal digital O Minho.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×