18/2/20
 
 
Primeira sala de consumo vigiado de drogas abre em 2020

Primeira sala de consumo vigiado de drogas abre em 2020

Dreamstime 17/10/2019 18:11

Em abril deste ano entrou em funcionamento o programa de consumo vigiado em formato móvel, primeiro na freguesia do Beato e, posteriormente, em Arroios.

A primeira sala de consumo vigiado de drogas terá lugar num dos extremos do bairro Quinta de Loureiro, em Lisboa, e começará a funcionar nos primeiros três meses de 2020. A proposta do Bloco de Esquerda (BE) foi hoje aprovada pelo executivo municipal.

A proposta do partido foi aprovada na manhã desta quinta-feira na reunião camarária. Apenas o CDS-PP votou contra.

“É um dia histórico, a concretização de uma medida prevista na lei desde 2001”, disse à agência Lusa Manuel Grilo, vereador do BE na Câmara de Lisboa.

A autarquia irá atribuir, segundo a proposta agora aprovada, cerca de 345 mil euros à associação de recuperação de toxicodependentes “Ares do Pinhal”, que vai ficar responsável pela gestão do equipamento e implementação de ‘um serviço de apoio integrado na área das dependências’.

Neste programa, o ‘consumo de substâncias ilícitas será realizado sob supervisão de profissionais treinados para atuar em caso de situações de sobredosagem. A substância será trazida pelo próprio utente do programa".

A implementação do programa será vigiada pela de substâncias ilícitas será realizado sob supervisão de profissionais treinados para atuar em caso de situações de sobredosagem. A substância será trazida pelo próprio utente do programa".

Em abril deste ano entrou em funcionamento o programa de consumo vigiado em formato móvel, primeiro na freguesia do Beato e, posteriormente, em Arroios.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×