14/10/19
 
 
Campeonato. Pesadelos só para alguns...

Campeonato. Pesadelos só para alguns...

Facebook Laura Ramires 13/09/2019 20:04

Na última época, FC Porto foi o único dos grandes que não perdeu com o Portimonense.

Depois da pausa para as seleções, o campeonato português está de regresso, com a quinta jornada a abrir portas ainda hoje, com o V.Setúbal-Braga, no Bonfim. No dia seguinte será a vez de o Benfica entrar em ação, com a receção ao Gil Vicente. O emblema recém-promovido à I Liga deu que falar logo na primeira ronda da prova, com a vitória diante do FC Porto. Aliás, em Barcelos, a equipa treinada por Vítor Oliveira ainda não perdeu, registando além dessa vitória, outros dois empates (precisamente com o Sp. Braga e V.Setúbal). O único desaire da turma gilista é, assim, fora de portas, com a deslocação até Moreira de Cónegos, onde caiu com estrondo (3-0), na passagem da segunda jornada.

A deslocação até à Luz será, por isso, o próximo grande desafio do clube de Barcelos, numa altura em que os encarnados tentam não perder o comboio da perseguição ao Famalicão, atual líder isolado da prova, com 10 pontos. Recorde-se que os encarnados aparecem imediatamente a seguir, com os mesmos 9 pontos do que o FC Porto, que é, até agora, o responsável pela única derrota das águias no campeonato na era Bruno Lage, com a vitória na Luz, na terceira jornada. 
Já no domingo, o dragão terá pela frente o Portimonense, que se revelou uma verdadeira dor de cabeça na época 2018/19. Curiosamente os azuis e brancos foram o único dos grandes que não perdeu com o emblema algarvio, vencendo por 4-1, em casa, e, mais tarde, em Portimão, derrotando o conjunto da casa por 0-3.


Por último, o Sporting, que joga ao início da noite de domingo, no Bessa, com o Boavista. A partida com os axadrezados marca um novo ciclo para o leão, com a estreia de Leonel Pontes no comando técnico da equipa. Recorde-se que, o novo treinador interino de Alvalade rendeu Marcel Keizer depois da derrota insólita do Sporting diante do Rio Ave. Com menos de dez dias para passar as suas ideias ao grupo, o sucessor do treinador holandês não tem margem de erro. Frederico Varandas já fez saber que caso cumpra a missão com sucesso, Pontes poderá seguir o modelo Lage e passar ao estatuto de treinador definitivo.Contudo, se falhar já há novas opções em cima da mesa.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×