19/9/19
 
 
Escola no Porto encerrada a partir de segunda-feira

Escola no Porto encerrada a partir de segunda-feira

Dreamstime Jornal i 13/09/2019 18:23

A falta de funcionários vai manter a Escola Básica Eugénio Andrade encerrada por tempo indeterminado. 

A Escola Básica Eugénio Andrade, do 5.º ao 9.º ano, vai encerrar a partir da próxima semana, dia 16 de setembro, devido á falta de auxiliares. A Associação de Pais do agrupamento de Escolas Eugénio Andrade, do qual fazem parte mais três escolas, comunicou à agência Lusa que “por decisão da direção, uma das escolas encontrar-se-á encerrada até que sejam reunidas condições ao seu normal funcionamento”.

A informação foi confirmada pela presidente do Conselho geral do Agrupamento de Escolas Eugénio Andrade, que acrescenta que “uns [auxiliares] estão de baixa, outros nem sequer estão colocados”. Mesmo com uma das escolas do agrupamento encerradas, a presidente garante que o agrupamento vai funcionar com “um rácio mínimo de auxiliares de educação”.

Para além da falta de pessoal, o agrupamento enfrenta ainda outro problema, a falta de transporte para 70 alunos com necessidades especiais. “Isto deve-se ao facto de, até à data, ainda não ter sido publicada em portaria a possibilidade de o agrupamento abrir concurso para que sejam transportadas as crianças”, pode ler-se no comunicado enviado. “Até ao momento não houve nenhuma autorização”, acrescenta a presidente, que está à espera, desde junho que a portaria seja publicada.

Esta situação não é nova, pois todos os anos é precisa uma “portaria ministerial para que possam abrir concurso para as “21 rotas estipuladas””, já que os alunos do agrupamento vêm desde Oliveira de Azeméis até Paredes.

Por outro lado, o Ministério da Educação (ME) assegurou que “os casos em que foi necessária autorização do Ministério das Finanças já estão resolvidos”.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×