31/10/20
 
 
Temperaturas voltam a subir esta semana. Termómetros vão chegar aos 39º

Temperaturas voltam a subir esta semana. Termómetros vão chegar aos 39º

DR Jornal i 18/08/2019 17:37

IPMA alerta para exposição aos raios ultravioletas e risco de incêndio

Agosto tem sido um mês bastante complicado para quem queira planear e fazer férias. O tempo tem oscilado entre temperaturas de recordes nacionais e muita chuva. Esta semana, termómetros voltam a subir.

O mês começou com o balanço de julho – mês mais quente da história mundial – com temperaturas altas, convidativas a idas à praia. Contudo, a segunda semana de Agosto trouxe consigo chuva, nuvens e descida das temperaturas máximas, estragando os planos dos portugueses.

Depois de um fim-de-semana onde a chuva ainda esteve presente em vários cantos do país, a meteorologia irá melhorar progressivamente no decorrer desta terceira semana do mês. Os termómetros chegarão muito perto dos 40º.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê que, ao longo desta semana, a nebulosidade seja cada vez menor na grande maioria de Portugal Continental. A partida das nuvens será acompanhada de uma subida acentuada das temperaturas. 

Espera-se ainda vento fraco a moderado, especialmente na faixa costeira ocidental do país e nas terras altas, com destaque para o Norte e Centro.

As maiores temperaturas máximas serão verificadas nos distritos de Castelo Branco, Santarém, Beja, Braga, Coimbra e Évora. O distrito de Santarém é o que verifica a maior temperatura máxima do país, com os termómetros a chegarem aos 39º na quinta-feira. Esta temperatura será acompanhada de momentos com céu nublado, principalmente entre as 12h e as 15h.

No caso de Lisboa, as temperaturas irão chegar aos 35º na quarta-feira, descendo progressivamente até ao final da semana. Por sua vez, o Porto chegará aos 31º na quinta-feira, mas terá céu muito nublado até sexta-feira.

Ao nível dos arquipélagos, na Madeira, o Funchal terá poucas nuvens ao longo de toda semana e chegará aos 29º, enquanto que no Arquipélago dos Açores as temperaturas nao ultrapassarão os 27º, com a chuva e as nuvens a serem frequentes em todas as ilhas.

Semana de risco  


Mais que as férias dos portugueses, estas oscilações na meteorologia, no mês de agosto, têm tornado a vida das unidades de combate às chamas um pouco ambígua.

O mês de agosto começou muito trabalhoso para os bombeiros portugueses que se viram obrigados a combater várias ocorrências de grande escala ao longo da primeira semana do mês.

Com a referida baixa das temperaturas na passada semana, os bombeiros tiveram o seu devido descanso. 
Com a diminuição das temperaturas máximas e a chegada das nuvens e da chuva, o número e a intensidade das ocorrências verificadas por todo o país diminuíram bastante.

Esta semana, os operacionais de combate a incêndios terão que voltar a estar bastante atentos. O IPMA coloca, ao longo de toda a semana, vários distritos em risco máximo de incêndio, nomeadamente, Portalegre, Faro, Bragança, Guarda, Castelo Branco, Santarém, Coimbra e Viseu. Relembra ainda a proibição de atividades que promovam um aumento do risco de incêndio rural.

Para além deste elevado risco de incêndios, o IPMA coloca ainda todo o território continental sob alerta relativamente ao Indíce Ultravioleta (IUV), em especial a partir de terça-feira. O organismo público português recomenda a utilização de óculos de Sol com filtro UV, chapéu, guarda-sol e protetor solar. Relembra que se ingira bastante água e que se evite a exposição prolongada das crianças ao Sol.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×