14/12/19
 
 
Devido à greve há agentes da PSP "a trabalhar 24 horas"

Devido à greve há agentes da PSP "a trabalhar 24 horas"

Joaquim Gomes Jornal i 15/08/2019 13:45

Associação Sindical pede ao Governo uma solução

A Associação Sindical dos Profissionais de Polícia denunciou, esta quinta-feira, que devido à greve dos motoristas há pelo menos duas esquadras da PSP que estão fechadas e que há agentes “a trabalhar 24 horas”.

"Há esquadras encerradas. Já houve antes da greve, devido a outras iniciativas, e agora continua, pelo menos em Ermesinde, no Porto, e em Alhandra. A continuarmos [com a greve dos motoristas] vai haver mais, porque o efetivo não estica. Há uma sobrecarga preocupante. Consegue-se ir aguentando, mas não dá para aguentar sempre. O ritmo imposto [devido à paralisação dos motoristas e aos serviços exigidos à PSP] não dá para muitos dias", explicou Paulo Rodrigues, presidente da Associação Sindical dos Profissionais de Polícia (ASPP/PSP, citado pela agência Lusa.

O responsável afirma ainda que a situação vai piorar e pede ao Governo que encontre uma solução, uma vez que há “falta de efetivos” na PSP e que devido à greve há necessidade de "retirar elementos de outros locais e serviços" para acorrer a serviços relacionados com a paralisação.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×