16/9/19
 
 
Atirador de Dayton terá morto a própria irmã

Atirador de Dayton terá morto a própria irmã

DR Jornal i 04/08/2019 20:12

A polícia norte-americana identificou como responsável do massacre de Dayton Connor Betts, de 24 anos. Entre as suas vítimas estará a sua irmã mais nova, Megan, com quem vivia. 

A polícia norte-americana já identificou o homem mascarado que matou pelo menos 9 pessoas a tiro e feriu outras 26 em Dayton, no Ohio. O responsável será Connor Betts, um estudante de psicologa com 24 anos, que terá morto a própria irmã mais nova, Megan, de 22 anos, com quem vivia. Ainda não há confirmação se Megan seria um alvo - apesar de parecer provável - ou se estaria por coincidência à porta do bar Ned Peppers, onde Betts abriu fogo com uma espingarda .223, protegido com um colete à prova de bala e levando carregadores extra.

A zona é conhecida como a principal área de diversão noturna da cidade, repleta de bares, galerias e discotecas. O próprio bar à porta do qual Betts abriu fogo estava lotado. Segundo as autoridades, Betts terá sido abatido pela polícia minutos após o início do ataque. "Nunca saberemos quantas vidas foram salvas", afirmou o Governador Mike DeWine, que salientou que "o atirador esteve obviamente muito, muito próximo de conseguir matar mais dezenas de pessoas".

As autoridades já terão revistado a casa de Betts, mas até agora não foi encontrado nenhum indicador de ideologia racista, como a que terá motivado o atirador do massacre de El Paso, ocorrido horas antes. Segundo o Dayton Daily News, Betts não tinha antecedentes crimais, à excepção de multas de trânsito.         

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×