23/9/19
 
 
Nos últimos 10 anos escolas perderam mais de 400 mil alunos e 30 mil professores

Nos últimos 10 anos escolas perderam mais de 400 mil alunos e 30 mil professores

DR Jornal i 01/08/2019 13:21

Número de estabelecimentos públicos e privados também diminuiu


Nos últimos 10 anos as escolas portuguesas perderam cerca de 27 mil alunos e mais de 30 mil professores. Desses, quase metade pertenciam ao 3º ciclo e ao ensino secundário.

Segundo o relatório 'Educação em Números - Portugal 2019', da Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência (DGEEC), entre os anos letivos 2008/2009 e 2017/20018 as escolas perderam um total de 427.163 alunos. O número total de estudantes passou de 2.056.148 para 1.628.985 estudantes.

A queda do número de docentes foi também relevante. No total, houve uma perda de 31.147 educadores de infância, professores dos 1º, 2º e 3º ciclos e do ensino secundário. A maior perda surge dentro dos professores do 3º ciclo e do ensino secundário, onde se registam menos 14.603 profissionais.

O número de estabelecimentos de ensino decresceu igualmente. O documento da DGEEC mostra que em 2017/2018 existiam menos 3.878 escolas públicas e privadas em Portugal do que o verificado em 2007/2008. Contudo o grande ´responsável' deste decréscimo foram as escolas públicas que diminuiram em 3.928, ao passo que as escolas privadas aumentaram em 50.
 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×