20/8/19
 
 
Imobiliário. Estes são os três sítios do país onde foram transacionadas mais casas

Imobiliário. Estes são os três sítios do país onde foram transacionadas mais casas

Dreamstime Joana Marques Alves 30/07/2019 15:57

Dados da imobiliária RE/MAX

A RE/MAX revelou esta terça-feira que, no primeiro semestre do ano, transacionou 31.664 imóveis, mais 6,1% do que em período homólogo de 2018.

“Com 4.422 transações, 14% do total registado pela RE/MAX, Lisboa lidera o top 10. Seguem-se Sintra (6,8%), Cascais (3,9%), Oeiras (3,8%), Almada (3,4%), Odivelas (2,6%), Setúbal (2,6%), Loures (2,6%) e Amadora (2,5%) – no total, os 18 concelhos da Área Metropolitana de Lisboa representam 46,4% dos imóveis transacionados pela rede entre janeiro e junho deste ano. Na 10ª posição vem o Porto, com 2,4%, correspondentes a 771 propriedades”, refere a imobiliária, em comunicado.

A RE/MAX revela que, tal como em anos anterior, os portuguese slideram o volume de transações negociadas nos primeiros seis meses de 2019. “Os cidadãos nacionais são responsáveis por 81,1% das compras e arrendamentos de imóveis. Sempre a crescer está o investimento dos brasileiros no imobiliário em Portugal. Em 2017, representavam 3% das transações, no ano passado 4,7% e, agora, 6,3% só nos primeiros seis meses”, refere a nota.

A imobiliária explica ainda que o número de agentes cresceu 14,5%. Este número é explicado pela contratação de cerca de 1000 consultores em seis meses. Ao todo, a RE/MAX tem 327 agências – 15 abriram este ano – e 7757 consultores.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×