19/9/19
 
 
Demissão na Secretária-Geral da Administração Interna devido a polémica de golas inflamáveis

Demissão na Secretária-Geral da Administração Interna devido a polémica de golas inflamáveis

AFP SOL 29/07/2019 13:34

Francisco Ferreira recomendou as empresas para compra das 70 mil golas inflamáveis

O técnico Francisco Ferreira, adjunto do secretário de Estado da Proteção Civil, demitiu-se esta segunda-feira, após ter sido noticiado o seu envolvimento na escolha das empresas para a produção dos ‘kits’ de emergência para o programa “Aldeias Seguras”.

A informação foi avançada pela agência Lusa que acrescentou ainda que, num comunicado, o gabinete do ministro da Administração Interna esclareceu que “o Técnico Especialista Francisco José da Costa Ferreira pediu a exoneração de funções no Gabinete do Secretário de Estado da Proteção Civil”. O pedido foi aceite por José Artur Neves, secretário de Estado da Proteção Civil.

Esta segunda-feira, o Jornal de Notícias adiantou que Ferreira, que exerce também o cargo de presidente da concelhia do PS de Arouca, recomendou as empresas para a compra de 70 mil golas inflamáveis, 15 mil kits de emergência com materiais combustíveis e a distribuição de panfletos às 1909 populações abrangidas pelo projeto.

Recorde-se que, no sábado, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, ordenou a abertura de um inquérito acerca da contratação de material de sensibilização para incêndios.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×