23/8/19
 
 
Venezuela sofre quarto apagão em cinco meses

Venezuela sofre quarto apagão em cinco meses

AFP Jornal i 23/07/2019 11:27

O ministro das Comunicações venezuelano, Jorge Rodríguez, disse que a falha de energia se devia a um "ataque eletromagnético" no sistema hidroelétrico. 

A Venezuela sofreu um apagão massivo na segunda-feira às 16h40 (21h40 em Lisboa) em quase todo o país, incluindo em Caracas, capital venezuelana. É o quarto apagão no país sul-americano em menos de cinco meses.

O ministro das Comunicações venezuelano, Jorge Rodríguez, disse que a falha de energia se devia a um "ataque electromagnético" no sistema hidroelétrico, sem fornecer quaisquer detalhes sobre quem poderia estar por trás desse mesmo "ataque".

"As primeiras indicações de uma investigação apontam para a existência de um ataque para afetar o sistema hidroeléctrico de Guayana", apontou Rodriguez numa declaração televisiva. O ministro não indicou que estados foram afetados pelo apagão, mas de acordo com as informações - não confirmadas - das redes sociais, 23 dos 24 estados da Venezuela terão ficado sem energia.

O último apagão na Venezuela ocorreu em março e deixou a maior parte do país na escuridão quase uma semana, colapsando vários serviços básicos, como os transportes públicos.

Nicolá Maduro, Presidente da Venezuela, acusou então os Estados Unidos pela falha energética. "A guerra elétrica anunciada e dirigida pelo Estados Unidos imperialistas contra o nosso povo será derrotada", escreveu Maduro no Twitter, da última vez que a energia falhou no país.

Entretanto, a Corpoelec, empresa energética estatal da Venezuela, já informou que a energia elétrica foi restabelecida a 100%, em Caracas. A empresa eclareceu que está a trabalhar para normalizar a situação no país, tendo conseguido a restituição parcial de energia nos estados de Mérida, Trujillo, Barinas e Aragua.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×