25/8/19
 
 
Publicidade de venda de carne usa imagem de mulher na praia

Publicidade de venda de carne usa imagem de mulher na praia

Jornal i 16/07/2019 16:37

O Movimento Democrático de Mulheres já apresentou queixa à Comissão para a Igualdade de Género

Um cartaz de publicidade a carne com a fotografia de uma mulher na praia está a gerar indignação. E o Movimento Democrático de Mulheres (MDM) já apresentou queixa à Comissão para a Igualdade de Género por considerar que a publicidade em causa usa o corpo da mulher de forma "subliminar ou explicitamente, para vender todo o tipo de produtos, num mercado que tem interesse em vender e que sabe que assim assegura melhor esse objetivo", lê-se no texto da queixa. 

A publicidade em questão pertence ao Grupo Carnes Sá da Bandeira, de Vila Nova de Gaia, sendo que a empresa pediu, entretanto, desculpa por aquilo que considerou ser um "mal-entendido". 

"Dirão alguns que 'o mal está nos olhos de quem o vê'. Outros, talvez, que as imagens não estarão associadas ao produto, mas sim à estação do ano (...) É tempo de dizer que as mulheres não são mercadoria, não são produtos vendáveis, nem podem os seus corpos ser usados para tal", refere o Movimento Democrático de Mulheres na queixa. 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×