7/12/21
 
 
Termo de identidade e residência para incendiários de Bragança

Termo de identidade e residência para incendiários de Bragança

Dreamstime Jornal i 02/07/2019 13:44

Os homens têm 25 e 50 anos

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo de Proteção Ambiental, deteve dois homens – de 25 e 50 anos – na localidade de Meireles, em Vila Flor, na passada segunda-feira. Em causa está o crime de incêndio florestal.

De acordo com o site oficial da GNR, esta força de segurança deslocou-se ao local onde os factos criminosos alegadamente decorreram e “verificaram que o incêndio teve inicio em partículas incandescentes provocadas por uma rebarbadora que procedia ao corte de um ferro, que em contacto com o a vegetação seca iniciou um foco de incêndio, o qual se alastrou ao restante mato adjacente”.

Os homens foram constituídos arguidos e estão sujeitos ao termo de identidade e residência.

Ler Mais


×

Pesquise no i

×