23/7/19
 
 
Legislativas. Demissão no PSD de Lisboa após aprovação de nomes
Pedro Pinto lidera a distrital e foi informado da decisão

Legislativas. Demissão no PSD de Lisboa após aprovação de nomes

Pedro Pinto lidera a distrital e foi informado da decisão Joaquim Gomes Cristina Rita 25/06/2019 13:35

Paulo Ribeiro, líder da concelhia do PSD/Lisboa, demitiu-se depois da aprovação da lista a indicar à distrital para as legislativas. Decisão é irreversível e já há uma candidata anunciada para o lugar: Sofia Vala Rocha

Paulo Ribeiro é líder da concelhia do PSD de Lisboa há pouco mais de um ano e meio e surpreendeu militantes do partido ao anunciar que se demitia. A informação da saída do dirigente foi avançada pelo Observador, e confirmada ao i, pelo próprio. A decisão foi anunciada no final de uma reunião da concelhia que serviu para definir tanto o número de candidatos às legislativas de outubro ( a indicar pela concelhia à distrital), como os nomes a escolher. 

O PSD/Lisboa vai indicar Rogério Jóia, número dois da concelhia para as listas das legislativas e Joana Monteiro, docente universitária na Universidade Nova de Lisboa, ou seja, uma independente. 

O líder demissionário, segundo informações recolhidas pelo i, anunciou a demissão depois de a comissão política concelhia ter aprovado o nome de Joana Monteiro. Paulo Ribeiro tinha em mente o nome da autarca Maria Emília Apolinário, da freguesia do Lumiar.  Saiu vencido. Informou o líder da distrital do PSD/Lisboa, Pedro Pinto, e indicou que a decisão era irreversível.  De acordo com informações recolhidas pelo i alguns militantes ficaram com a "impressão" de que o dirigente bateu com a porta por pretender ver indicado o nome de Maria Emília Apolinário. A própria, presente no encontro, pediu escusa no momento das votações.

Depois da saída, Rogério Jóia ficará como presidente interino. Mas já há um nome pronto a avançar: Sofia Vala Rocha, ex-candidata autárquica na capital.A informação foi avançada pela Sábado e Sofia Vala Rocha confirmou ao i que "é candidata à presidência da concelhia do PSD/Lisboa". Por agora, não pretende acrescentar mais nada, tal como o Paulo Ribeiro, que remeteu explicações para mais tarde, sem precisar quando.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×