25/8/19
 
 
Filha agredia física e psicologicamente a mãe idosa

Filha agredia física e psicologicamente a mãe idosa

Dreamstime SOL 24/06/2019 15:52

De acordo com os indícios, a suspeita agredia física e psicologicamente a progenitora, de 86 anos, com quem habitava.

 

Uma mulher de 53 anos foi detida e apresentada ao juiz de instrução criminal, para primeiro interrogatório, na sexta-feira, por estar “fortemente indiciada pela prática de um crime de violência doméstica”, como se pode ler no site oficial da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

De acordo com os indícios, a suspeita agredia física e psicologicamente a progenitora, de 86 anos, com quem habitava. A arguida já tinha sido condenada pela prática do crime de violência doméstica contra a idosa, em junho de 2017, e condenada a uma pena de 3 anos e 10 meses que foi suspensa na sua execução com regime de prova.

A alegada criminosa está proibida de contactar a mãe por se julgar concreto o “perigo de continuação da atividade criminosa e forte perigo de perturbação do inquérito”, como se pode concluir na página da PGDL. A investigação foi liderada pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa com o auxílio da PSP.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×