14/10/19
 
 
Ação de fiscalização aos casamentos cancelada por Centeno

Ação de fiscalização aos casamentos cancelada por Centeno

Bruno Gonçalves SOL 31/05/2019 17:32

Ação de fiscalização aos casamentos e festivais de música é a segunda operação da AT cancelada por Centeno numa semana. 

O Ministério das Finanças mandou cancelar a ação de fiscalização de casamentos e festivais de música, que a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) tinha planeado para os próximos três meses, e que, segundo o Observador, iria começar já na próxima semana.

A notícia de que uma operação da AT iria fiscalizar empresas ligadas à organização de casamentos e de festivais de música -  catering, floristas, fotógrafos, aluguer de espaços, faturação da bilheteira, de contratos e de pagamentos de artistas –foi avançada esta sexta-feira de manhã pelo Jornal Económico.

No mesmo dia, fonte do ministério de Mário Centeno revelou ao Observador que a “ordem de cancelamento durante o dia de ontem no momento em que tomou conhecimento do agendamento”.

A justificação daquele gabinete é a de que “uma ação inspetiva que perturbe o normal funcionamento de uma cerimónia ou festa de casamento não pode ser considerada proporcional face ao objetivo de fiscalização de cumprimento de obrigações fiscais”.

Mais uma vez, a exemplo do que aconteceu com a operação stop para cobrar dívidas, o ministério sublinha que essa orientação foi transmitida de forma “muito clara” à Autoridade Tributária.

Sublinhe-se que esta é a segunda iniciativa da AT cancelada pelo ministério de Centeno no espaço de uma semana. A primeira foi a ação fiscal que cobrava dívidas no âmbito de uma operação stop, que levou à demissão do diretor das Finanças do Porto, esta quinta-feira.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×