18/9/19
 
 
EDP e ENGIE criam joint-venture

EDP e ENGIE criam joint-venture

Jornal i 21/05/2019 18:57

Passará a ser um dos cinco maiores operadores a nível global na área, combinando a competência industrial e a capacidade de desenvolvimento das duas empresas.

A EDP e a Engie anunciaram ontem a assinatura de um memorando de entendimento estratégico para criar uma joint-venture, controlada em partes iguais, no segmento eólico offshore, fixo e flutuante. 

"A nova entidade será o veículo exclusivo de investimento da EDP, através da sua subsidiária EDP Renováveis (EDPR), e da ENGIE para oportunidades eólicas offshore em todo o mundo e passará a ser um dos cinco maiores operadores a nível global na área, combinando a competência industrial e a capacidade de desenvolvimento das duas empresas", revela a elétrica portuguesa em comunicado.

Esta joint-venture terá como alvo prioritário mercados na Europa, nos Estados Unidos e algumas regiões da Ásia, de onde se espera que venha o maior crescimento. Os projetos que a desenvolver irão respeitar os critérios de investimento das duas empresas.

"Esta ambiciosa aliança segue-se a uma bem-sucedida colaboração que durante seis anos uniu a EDPR e a ENGIE como parceiros de um consórcio nos projetos eólicos offshore fixos de Dieppe Le Tréport e Yeu Noirmoutier (França) e de Moray East e Moray West (Reino Unido). A EDPR e a ENGIE são também parceiras em dois projetos eólicos offshore flutuantes em França e Portugal e participam em conjunto no concurso para o eólico offshore de Dunquerque, a decorrer em França", salienta. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×