17/9/19
 
 
Reaberta investigação às acusações de violação de Assange

Reaberta investigação às acusações de violação de Assange

AFP Jornal i 13/05/2019 10:29

Assange foi detido no mês passado, depois de a embaixada do Equador em Londres ter retirado a condição de asilo político

A Suécia decidiu voltar a abrir o caso em que Julian Assange é acusado de violação.

Segundo o The Guardian, a defesa de uma das mulheres que acusou o fundador da WikiLeaks pediu para que o caso voltasse a ser aberto.

Assange foi acusado em 2010. No entanto, sete anos depois devido à falta de provas e ao facto de os investigadores suecos não conseguirem interrogar o fundador da WikiLeaks – porque estava refugiado na embaixada do Equador em Londres – levou a que a investigação fosse arquivada.

Em abril deste ano, o asilo político foi retirado e Assange foi detido, tendo já sido condenado a quase um ano de prisão por ter violado as condições da medida de coação de liberdade condicional em 2012, após ter-se refugiado na embaixada do Equador. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×