3/12/20
 
 
Campeonato de Portugal. TAD dá razão a Rúben Amorim e ao Casa Pia

Campeonato de Portugal. TAD dá razão a Rúben Amorim e ao Casa Pia

Facebook Bruno Venâncio 10/05/2019 18:28

O antigo internacional português deixa de estar proibido de ser inscrito como treinador durante um ano e o clube lisboeta recupera seis pontos, passando para zona de acesso ao playoff de subida à II Liga

Volte-face na situação do Casa Pia no Campeonato de Portugal. O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) deu razão ao recurso interposto pelo clube lisboeta e também por Rúben Amorim e José da Paz, revogando assim os castigos impostos pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF): a subtração de seis pontos ao clube na Série D do Campeonato de Portugal, a proibição do antigo atleta de ser inscrito como treinador durante um ano e a suspensão de quatro meses ao técnico principal.

Uma decisão que mexe decisivamente com as contas da série onde o Casa Pia compete: ao recuperar estes seis pontos, o conjunto de Lisboa sobe ao segundo lugar (que garante o acesso ao playoff de subida à II Liga), quando falta disputar apenas uma jornada. Curiosamente, o Casa Pia fica assim com um ponto de vantagem sobre o Real, sendo precisamente esse o seu adversário este domingo, na ronda que encerra a fase regular da prova.

O castigo aplicado pelo CD em janeiro, recorde-se, prendia-se com o facto de Rúben Amorim, inscrito pelo Casa Pia como treinador estagiário, ter dado indicações aos jogadores durante duas partidas. A queixa partiu da Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF), baseando-se no facto de o antigo internacional português ainda estar a tirar o primeiro nível do curso de treinador e não poder, desse modo, desempenhar funções que estão destinadas exclusivamente a quem detém o mesmo.

Ler Mais


Especiais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×