19/6/19
 
 
PCP acusa Executivo de Costa de "calculismo eleitoral"

PCP acusa Executivo de Costa de "calculismo eleitoral"

José Sérgio Jornal i 03/05/2019 15:59

Em causa está a contagem do tempo de serviço dos professores

O PCP acusou esta sexta-feira o Executivo de António Costa de “calculismo eleitoral”.

“Só o calculismo eleitoral pode justificar que o Governo utilize a reposição de um direito consagrado nos orçamentos do Estado de 2017 e 2018 como pretexto para abrir um clima de crise e tentar impor retrocessos", afirmou o líder parlamentar do PCP, João Oliveira, citado pela agência Lusa.

João Oliveira sublinhou ainda que as propostas aprovadas esta quinta-feira no Parlamento "não têm qualquer impacto orçamental em 2019".

O líder parlamentar do PCP defende ainda que a decisão relativa à contagem de todo o tempo de serviço prestado pelos professores é também "o que deverá acontecer relativamente a outros profissionais com carreiras especiais".

Recorde-se que esta manhã o líder parlamentar dos socialistas, Carlos César falou numa eventual demissão do Governo, no rescaldo da questão dos professores e do impacto que a reposição de salários teria na despesa.

O cenário de demissão também não foi afastado pelo número dois do Governo, Augusto Santos Silva.

Esta tarde, o primeiro-ministro e o Presidente da República estão reunidos, estando prevista uma declaração de António Costa ao país depois do encontro.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×