23/9/19
 
 
Há cada vez mais portugueses a serem 'empurrados' para os part-time

Há cada vez mais portugueses a serem 'empurrados' para os part-time

Dreamstime Joana Marques Alves 25/04/2019 17:00

Dados do novo relatório da OCDE

Portugal está entre os países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) onde mais trabalhadores optaram por recorrer a empregos em part-time, face à falta de ofertas a tempo inteiro.

Segundo o relatório ‘Employment Outlook 2019’, divulgado ontem, o número de pessoas em situação de emprego a tempo parcial involuntário subiu em dois terços dos países da OCDE – no caso de Portugal, Espanha, Itália e Grécia, esta subida "foi, parcialmente, relacionada com a crise".

O documento revela que, em 2011, onze países da OCDE apresentavam uma proporçãomaior que Portugal. Em 2018, apenas seis países estavam à nossa frente: Colômbia, França, Eslováquia, Itália, Espanha e Grécia.

Para saber mais, clique aqui.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×