7/4/20
 
 
Altice Portugal junta-se à FPF, CVP, AMI e RTP para ajudar vítimas do ciclone Idai em Moçambique

Altice Portugal junta-se à FPF, CVP, AMI e RTP para ajudar vítimas do ciclone Idai em Moçambique

Miguel Silva Jornal i 05/04/2019 21:19

Altice e Federação de Futebol recolheram mais de 155 mil euros para Moçambique

A Altice Portugal, em parceria com a Federação Portuguesa de Futebol, já arrecadou mais de 155 mil euros para as vítimas do ciclone Idai, em Moçambique.

Em comunicado, esta sexta-feira, a Altice Portugal informou que, até ao momento, já foi arrecadado um total de 155.432,56 euros, sendo que mais de 10 mil euros foram doados diretamente pela dona do Meo.

Recorde-se que na semana passada, em parceria com a FPF, a Altice Portugal disponibilizou um 'contact center' e uma linha de valor acrescentado para recolha de donativos, que se irá manter até ao próximo fim de semana. Realizou-se ainda, no sábado passado, um dérbi entre as equipas femininas de futebol do Benfica e do Sporting, e ao qual assistiram mais de 500 colaboradores da empresa.

Mas a Altice Portugal está ainda a apoiar com meios técnicos e linhas telefónicas de valor acrescentado para a recolha de donativos para diversas iniciativas.

Em parecia com a Cruz Vermelha e através do portal SAPO, a partir do dia 18 de abril, a Altice Portugal apoiará a emissão da “Operação Imbondeiro – O Maior Concerto do Mundo”, assegurando condições técnicas para a emissão do concerto no portal SAPO e disponibilizará ainda uma linha de valor acrescentado (761) para recolha de donativos.

À AMI, a Altice Portugal cedeu telefones satélite de modo a que os médicos possam comunicar no terreno e, paralelamente, decorre ainda uma campanha de troca de Pontos MEO - “Emergência Moçambique”, onde os clientes podem trocar os seus pontos por um valor monetário. Até ao momento, esta campanha já arrecadou mais de 20 mil euros.

Esta terça e quarta-feira, a Altice Portugal, em parceria com a RTP, disponibilizou mais um call center solidário, acompanhado de uma emissão especial do canal, bem como uma linha de valor acrescentado para recolha de donativos, com mais de 33,5 mil euros doados pela Altice Portugal e que no total da iniciativa arrecadou 316. 292 euros.

“Hoje já ninguém tem dúvidas de que a Altice Portugal é parceira dos portugueses, assumindo com a sociedade um compromisso de intervenção social. Ainda recentemente assumimos que o MEO é uma marca de causas, também porque a empresa é uma empresa de causas. A Altice Portugal, através da Fundação Altice, vai continuar a seguir um caminho de integração, inclusão, dando o exemplo, através do lançamento de reptos que envolvam os portugueses em causas que nos dizem a todos, enquanto sociedade e enquanto cidadãos. Moçambique não é exceção, como causa que mobiliza os portugueses e pela ligação histórica e cultural. Por tudo isto, a Altice Portugal associa-se à onda de solidariedade para com as vítimas do ciclone Idai, através do apoio e parceria em várias iniciativas concretas e que espelham o empenho da empresa no apoio às grandes causas”, referiu Alexandre Fonseca, CEO da Altice.

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×