15/9/19
 
 
Registaram-se menos acidentes nos primeiros três meses do ano, mas mais vítimas mortais

Registaram-se menos acidentes nos primeiros três meses do ano, mas mais vítimas mortais

Dreamstime Jornal i 03/04/2019 07:47

Entre o dia 1 de janeiro deste ano e o dia 31 de março, foram registados menos 788 acidentes do que em igual período do ano passado.

Nos primeiros três meses de 2019, o número de acidentes nas estradas portuguesas diminuiu relativamente ao período homólogo, com um total de 31.173 desastres. No entanto, registaram-se mais vítimas mortais, segundo dados provisórios oficiais.

De acordo com o último balanço da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), entre o primeiro dia do mês de janeiro e 31 de março, verificaram-se menos 788 acidentes do que em igual período do ano passado - 31.961 - mas houve um aumento de quatro vítimas mortais, sendo que no primeiro trimestre do ano, 116 pessoas morreram nas estradas portuguesas.

Já no que diz respeito a feridos graves, nos mesmos meses, foram registados 454, mais 62 do que em igual período de 2018.

Nos últimos três meses, o distrito com mais acidentes foi o de Lisboa, a registar 6.436, seguido do Porto, com 5.845 acidentes, Setúbal, com 2.603, Braga, com 2.585 e Aveiro, com 2.556.

Sobre o número de mortos, Braga foi o distritos que mais vítimas mortais registou entre 1 de janeiro e 31 de março: 15. De seguida estão o Porto e Santarém, com 11, Aveiro e Faro 10 e Leiria e Viseu com oito.

De recordar que os dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária dizem respeito às vítimas mortais cujo óbito foi declarado no local do acidente ou a caminho do hospital.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×