19/10/19
 
 
Legislativas. Rui Rio quer afastar PCP e Bloco da esfera do poder

Legislativas. Rui Rio quer afastar PCP e Bloco da esfera do poder

25/03/2019 20:44

Presidente do PSD defende que o objetivo é ganhar as legislativas de outubro, mas também permitir um resultado que abra caminho às "reformas estruturais" de que o País precisa.

O presidente do PSD considerou esta segunda-feira que o objetivo eleitoral do partido nas Legislativas “deve ser ganhar, com certeza - , mas deve ter como objetivo tentar afastar BE e PCP da esfera do poder” para se avançar com as  reformas estruturais que o “País precisa”. A ideia foi deixada numa entrevista à Antena 1.

Apesar de querer afastar os partidos mais à esquerda do arco da governação, Rui Rio recusou a ideia de que defenda um Bloco Central no sentido tradicional do termo: “Haver um primeiro-ministro do PS e ministros dos dois partidos”, defendeu o presidente social-democrata na referida entrevista.

Questionado sobre se pretende abandonar a liderança do PSD, caso tenha um mau resultado nas Legislativas de outubro, Rui Rio preferiu deixar todos os cenários em aberto, inclusive, a ideia de se manter na presidência do PSD. “Pode haver razões para sair, pode haver razões para ficar, pode haver razões que não se identifiquem logo no momento e obriguem a uma reflexão, a ouvir as pessoas”, defendeu.

Rui Rio ainda foi confrontado com a ideia de vir a participar no programa da SIC da apresentadora Cristina Ferreira, tal como fez o primeiro-ministro, António Costa. O presidente social-democrata foi claro a dizer que não: "Não me estou a propor para cozinheiro, mas para primeiro-ministro".

O próximo ato eleitoral serão as eleições europeias e Rui Rio assumiu ainda o que será um mau resultado: perder um mandato face às últimas eleições europeias. O PSD tem seis eurodeputados.

 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×