24/7/19
 
 
Recuperadas unidades de potente analgésico no armazém onde tinham sido dadas como desaparecidas

Recuperadas unidades de potente analgésico no armazém onde tinham sido dadas como desaparecidas

Eduardo Martins Jornal i 23/03/2019 12:33

No início do mês, a Autoridade Nacional do Medicamento reportou o desaparecimento de mais de 400 unidades do medicamento Fentanilo Basi

A Polícia Judiciária (PJ) localizou as mais de 400 unidades do medicamento Fentanilo Basi, um analgésico que é utilizado na anestesia, que haviam desaparecido no início deste mês. As 430 embalagens do medicamento estavam no mesmo armazém onde tinham sido dadas como desaparecidas.

Fonte da PJ, citada pelo Diário de Notícias, disse que até ao momento “não há indícios” que este desaparecimento tenha resultado de uma “prática criminosa dolosa”. No entanto, a "falta de controlo no armazenamento" do produto em questão pode configurar ainda em crime por negligência e a situação já foi comunicada ao Infarmed, responsável por "regular e supervisionar os setores dos medicamentos de uso humano".

Em comunicado, a Polícia Judiciária informou que “não se procedeu à constituição de qualquer arguido”, mas escreve o Diário de Notícias, citando o diretor da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, Artur Vaz, que "a investigação vai prosseguir para total esclarecimento dos factos".

As embalagens estavam guardadas num armazém a norte do país, o mesmo armazém onde foram encontradas pela PJ.

Recode-se que a fentanil é uma substância utilizada na analgesia de curta duração ou quando necessário para período pós-operatório imediato. Pode ainda ser utilizada como componente analgésico da anestesia geral e suplemento da anestesia local.

Esta substância pode ainda ser usada para dores extremas provocada por doenças crónica e oncológicas, já que se trata de opióide 50 vezes mais potente do que a heroína.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×