18/8/19
 
 
Missão portuguesa em Moçambique é "uma demonstração de solidariedade com um país irmão" | Fotos

Missão portuguesa em Moçambique é "uma demonstração de solidariedade com um país irmão" | Fotos

Jornal i 21/03/2019 07:32

Antes de os militares portugueses partirem para Moçambique, o chefe de Estado dirigiu-lhes uma mensagem de apoio e cumprimentou-os no final 

Ontem, quarta-feira, o Presidente da República esteve presente no aeroporto de Figo Maduro, em Lisboa, para que parte de uma força de reação rápida portuguesa - onde integram 35 militares, uma equipa cinotécnica e médicos - partisse para Moçambique para apoiar as operações na sequência do ciclone Idai, que devastou a cidade da Beira. 

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, descreveu esta missão como sendo "fraterna" e solidária,  expressando toda a sua confiança no grupo, que "mostrará a excecional competência dos militares portugueses".

"Um abraço de quem há mais de 50 anos conhece bem e ama aquela terra e aquela gente" e um "abraço do Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas" portuguesas, disse o chefe de Estado.

Além do Presidente da República, também o ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, esteve presente no aeroporto, afirmando que, desta forma, Portugal dá "uma demonstração de solidariedade com um país irmão".

De acordo com balanços provisórios divulgados pelos respetivos governos, a passagem do ciclone Idai em Moçambique, Malawi e Zimbabué já provocou mais de 300 mortos.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×