31/3/20
 
 
Militar da GNR de Vila do Conde acusado de ficar com dinheiro das multas

Militar da GNR de Vila do Conde acusado de ficar com dinheiro das multas

Jornal i 20/03/2019 11:09

Cinco cidadãos pagaram multas em dinheiro, do qual o militar se apoderou ilicitamente

O Ministério Público acusou um militar da GNR de Vila do Conde de ficar com mais de 500 euros resultantes de multas de trânsito, que tinham sido pagas em dinheiro por cinco condutores, segundo a Procuradoria Distrital do Porto.

O militar, que exercia funções no posto territorial de Vila do Conde, foi formalmente acusado de um crime de peculato, lê-se no despacho do DIAP, publicado no site da procuradoria.

Os crimes ocorreram entre 15 de janeiro e 26 de março de 2018, estando em causa o valor de 504,94 euros.

O total de dinheiro corresponde "à soma das quantias que cinco cidadãos lhe haviam entregue, como pagamento voluntário das coimas devidas pelas infrações ao Código da Estrada em que tinham sido autuados", segundo a síntese da acusação.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×