22/5/19
 
 
Buscas da PJ têm por alvo diretor regional do Norte da ASAE

Buscas da PJ têm por alvo diretor regional do Norte da ASAE

Nuno Cerqueira / Diário do Minho Joaquim Gomes 14/03/2019 12:12

Vítor Serra, atual diretor regional da delegação do Norte da ASAE, estava há dois meses a ser investigado

As buscas da PJ no Porto e em Barcelos às instalações da ASAE que estão a decorrer desde o princípio da manhã desta quinta-feira têm por alvo o diretor regional do Norte da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), inspetor Vítor Serra.

Segundo apurou o i junto da Polícia Judiciária, o processo foi iniciado com a reportagem da jornalista Ana Leal, da TVI, onde se denunciava que em causa estará meio milhão de euros em contraordenações que terão ficado por pagar, supostamente o então inspetor na Delegação de Barcelos da ASAE, Vítor Serra, depois diretor regional do Norte da ASAE, deixar prescrever pelo menos uma dezena contraordenações de centenas de milhar de euros cada uma.

Vítor Serra, atual diretor regional da delegação do Norte da ASAE, estava há dois meses já a ser investigado por suspeitas de crimes de corrupção, de tráfico de influências, e de favorecimento pessoal, entre outros factos ilícitos, segundo avançou então Ana Leal, na sua reportagem inicialmente difundida na TVI24.

Segundo uma investigação da própria jornalista Ana leal, feita à margem da investigação policial, haverá pelo menos dez processos que estarão sob suspeitas, tendo todos sido aprovados pelo diretor regional enquanto exercia o cargo de inspetor, então em Barcelos.

Segundo a TVI24, há mais de meio milhão de euros em contraordenações que acabaram por não ter seguimento, por Vítor Serra não dar andamento aos processos e com o passar do tempo as infrações acabaram todas por prescrever.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×