14/12/19
 
 
GNR de Braga apanha quadrilha em flagrante delito

GNR de Braga apanha quadrilha em flagrante delito

Joaquim Gomes 07/02/2019 11:21

Um dos três suspeitos incendiou automóvel furtado

A GNR do Sameiro deteve ontem de madrugada em Braga, dois dos três assaltantes de estabelecimentos comerciais, que atuava em vários locais do distrito de Braga, tendo detetado o grupo quando se encontrava a fazer policiamento de prevenção em Nogueiró, abaixo do Monte do Bom Jesus, ocasião em que iniciou o seguimento até à zona de São Pedro de Este, tendo os assaltantes ficado encurralados numa rua sem saída, mesmo junto ao restaurante Gato do Rio, nas imediações da margem direita do Rio Este.

O Posto Territorial das GNR Sameiro deteve os dois homens, de 40 e 47 anos, por furto de veículos e em estabelecimentos comerciais nas localidades de Vila Nova de Famalicão e de Braga, sendo ambos do concelho de Guimarães, encontrando-se ainda em fuga um terceiro suspeito, sendo que este último terá incendiado já em Famalicão um carro furtado em Braga.

Os suspeitos, que tinham como modus operandi furtar carros para de seguida efetuarem furtos em estabelecimentos em Guimarães começaram por furtar um carro, logo a seguir foram para Vila Nova de Famalicão, onde assaltaram uma loja de restauração e bebidas.

Após realizarem este furto os suspeitos seguiram para a zona de Braga, onde efetuaram um novo furto num estabelecimento similar, na freguesia de Escudeiros e já no centro da cidade furtaram um segundo veículo, que abandonaram pouco tempo depois, em virtude de possuir pouco combustível, acabando por furtar um terceiro veículo.

Após a denúncia dos furtos ocorridos, os militares iniciaram diligências, tendo detetado, na Rua de Linhares, da freguesia de Este, concelho de Braga, junto ao restaurante O Gato do Rio, os suspeitos a circularem na viatura furtada, depois de os terem visto inicialmente na rotunda junto ao Hotel de Lamaçães, em Braga.

De imediato a viatura foi intercetada e dois indivíduos detidos, encontrando-se no veículo artigos furtados provenientes dos estabelecimentos comerciais, tendo sido recuperados 500 euros em numerário, nove maços de tabaco, um televisor, uma gaveta de máquina registadora, peças de uma máquina de tabaco, um martelo, uma chave de fendas e um alicate, supostamente utilizados nos furtos, bem como uma arma branca, segundo a GNR.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×