26/4/19
 
 
Jornadas Parlamentares em Braga debatem Europa, saúde e segurança

Jornadas Parlamentares em Braga debatem Europa, saúde e segurança

DR Joaquim Gomes 28/01/2019 10:26

CDS/PP preocupado com “cultura de transgressão” e “bolsas de impunidade”

As Jornadas Parlamentares do CDS/PP, que esta segunda-feira começaram em Braga, vão debater a Europa, a saúde e a segurança, tendo Nuno Magalhães afirmado ao i “não ser de agora que temos alertado para a “cultura de transgressão” e as “bolsas de imunidade”, que “estão a recrudescer especialmente nas Áreas Metropolitanas do Porto, de Setúbal e de Lisboa, situações que o CDS bem avisou atempadamente”.

Para o líder parlamentar do CDS/PP, falando esta manhã ao i, em Braga, antes do início das Jornadas Parlamentares, que prosseguem hoje, até amanhã, terça-feira, “este Governo sempre foi muito negligente a nível de segurança”, segundo considerou Nuno Magalhães.

“O CDS sempre foi um partido que se interessa pelas questões de segurança, mas este Governo nunca quis, desde o seu início, encarar essa realidade de frente, preferindo antes uma ‘realidade alternativa’, assistindo-se assim neste momento a um país nada sereno, ao contrário do que diz o senhor ministro da Administração Interna, com incidentes diários, com impacto muito forte do ponto de vista do dano e da segurança psicológica dos cidadãos”, salientou Nuno Magalhães.

A segurança rodoviária será um outro tema a debater ainda estas Jornadas Parlamentares do CDS/PP, tendo o líder da bancada centrista na Assembleia da República referido “ser uma realidade que mata muitos portugueses, mas que tem sido silenciada, com tendência que se tem invertido negativamente em relação à última década” e daí “termos um painel dedicado exclusivamente às áreas da segurança no seu todo, incluindo também a Proteção Civil, “onde este Governo também tem falhado em toda a linha”, acrescentou ao i Nuno Magalhães.

Europa, saúde e têxtil

Sobre a realização das Jornadas Parlamentares do CDS/PP em Braga, Nuno Magalhães disse “tratar-se de um distrito amigo do CDS”, onde também serão debatidas as questões europeias mais recentes, bem como a saúde e a indústria têxtil, com uma visita ao Hospital de Braga, lamentando “que um hospital excelente e que presta um serviço púbico, devido ao fanatismo ideológico do Bloco do Esquerda e do PCP, a que este Governo está a ceder, correndo-se desse modo o risco de terminada a concessão, deteriorar-se o serviço prestado pelo Hospital de Braga, para além da austeridade mascarada que tem vindo a ser já uma realidade deste Governo”.

Sobre matérias europeias, Nuno Magalhães preconizou “uma Europa mais coesa, com uma voz europeísta, mas que defenda os interesses nacionais, como na defesa da indústria têxtil, tão importante também neste distrito de Braga, através dos fundos de coesão e de outros apoios nacionais e internacionais”, tendo visitado a “Lameirinho”, em Guimarães.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×